Transformação Digital | Como transformar minha empresa?

Atualizado: 5 de mar. de 2021




Você já deve ter ouvido falar em transformação digital, especialmente nos últimos meses. Mas, você sabia que essa transformação é um processo que já acontece há muito tempo, e não um conceito para o futuro, mas para o presente? Por conta da pandemia e suas restrições sanitárias, o impacto negativo nos diversos setores da economia acelerou esse fenômeno, fazendo com que diversos negócios fossem introduzidos ao uso da tecnologia, para criarem soluções para desempenho baixo, produção, agilidade e eficiência.


A mudança deve-se iniciar na estrutura da organização. O termo ganha notoriedade das empresas de todos os nichos, que precisaram se adaptar de alguma forma à nova realidade. Quem já estava se inserindo no meio digital, precisou antecipar e aumentar os investimentos com o crescimento das plataformas. E quem não tinha vivência, precisou começar essa nova etapa de alguma forma. Com isso, presenciamos o surgimento de novos eventos, como lives, casamentos virtuais, aumento do homeoffice, reuniões virtuais, entre outros. A cada instante, torna-se uma necessidade ingressar-se no ambiente online. Quem não fez, ficou para trás.

Com a interatividade em alta, empresas que se relacionam com clientes precisam criar uma conexão já no primeiro contato. Com isso, aumenta a importância do uso das ferramentas de CRM (Customer Relationship Management ou Gestão do Relacionamento com o Cliente), que envolve métodos, planos e análises com o intuito de fidelizar e captar novos leads. O CRM tem como objetivo criar um banco dados com informações de pessoas que entraram em contato com a empresa ou estão interessadas em algum produto ou serviço, permitindo automação em diversos processos, como marketing, vendas, pré e pós vendam e customer success. Ou seja, é software, processo, estratégia, departamento e cultura organizacional.


Com a transformação digital, surgiram diversas tarefas e funções, aumentando, assim, a empregabilidade. Com a pandemia, esse processo foi acelerado, já que a humanidade precisou se reinventar. Algumas profissões acabam sendo inteiramente modificadas, como os produtores de conteúdo, por exemplo. Em um passado recente, não tínhamos redes sociais. Hoje, é essencial ter colaboradores que estejam criando engajamento para as empresas crescerem no mercado digital.



Como começar a transformação digital?


1. Entenda e reveja o seu negócio

É preciso rever e definir as estratégias futuras da empresa, adotando medidas que se enquadrem nas necessidades do mercado. A transformação digital pode começar do básico, como a presença nas redes sociais. É importante entender o que o consumidor do seu negócio busca e como você vai se comunicar com ele. Pergunte-se: preciso ampliar ou modificar uma equipe na empresa? Mudar o foco dos colaboradores ou contratar novos? Busque seus concorrentes, fique por dentro das tendências e entenda quais meios de tecnologia podem ser usados a favor do seu novo modelo de negócio.


2. Crie experiência de consumo

Antes de investir em processos tecnológicos é importante entender e analisar a necessidade do cliente. Caso não seja pensada, pode causar efeito reverso e inesperado. Você pode, por exemplo, resolver o problema de baixo desempenho empresarial contratando apenas um novo serviço. O cliente atual necessita de uma boa experiência de consumo, então, crie uma nova, onde ele se sinta importante e incluso. Mas lembre-se que a experiência de consumo não se resume apenas ao cliente! Essa transformação deve acontecer primeiramente em toda a empresa para que tenha um bom desempenho.


3. Fique atendo às inovações, transforme seu negócio

Se adapte de forma inovadora nos meios digitais. A ideia é se transformar, se inspire. É necessário que a equipe se prepare para novas experiências. Se for moldado, esse processo acaba se tornando mais simples e sucessivamente de sucesso. O assunto não é apenas para empresas de tecnologia, todos podem se beneficiar e desenvolver.


4. Amplifique os meios de automação de marketing

A automação no marketing tem como foco simplificar ideias e processos para se tornarem inteligentes. Esse recurso tem o intuito de automatizar e facilitar diversas tarefas para aumentar a estabilidade no marketing de relacionamento com os leads. Como automatizar? E-mails disparados, agendar postagens nas mídias e usar chatbots são alguns exemplos. A intenção é gerir os leads ao funil de vendas para que desenvolva o ato da compra. Você conquistará mais clientes e gerar recomendações.


5. Faça decisões baseadas em dados

Integrando tecnologia na empresa, podem ser criadas estratégias unificadas para garantir que funcionem harmonicamente. Dominando dados, como gerenciamento de redes, uso da informação e produção, a empresa pode alimentar novas ferramentas analíticas ao entender de onde os clientes são, prever interações e gerar insights. Todo negócio online tem diversos dados disponíveis que não são estruturados, mas que podem gerar condições para novas previsões, a empresa poderá se diferenciar no mercado ao gerar atividades que podem liberar novas formas de crescimento.


E quando a pandemia acabar, tudo voltará a ser como era antes? A resposta é simples: a transformação digital veio pra ficar. O processo vem acontecendo há anos, com atualizações constantes. Um bom exemplo está na busca pela informação. Antes, o caminho era em meios impressos, rádio ou televisivos. Hoje, esses meios continuam existindo, mas surgiram outros diversos, como as redes sociais, chats, podcasts, vídeos, entre outros.

E você, como vai se reinventar?

51 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo